Tiago
Tiago Pesquisador, compositor, criador, desenvolvedor. Da música instrumental até novas interfaces para expressão musical.

Elemental

Elemental

Vento, chuva e trovão, incorporados como instrumentos sonoros/musicais. O Elemental é um novo desenvolvimento em expressão musical, que une avanços recentes em desenho de áudio em tempo real via síntese (ou seja, sem sons pré-gravados) e novas interfaces homem-computador, para apropriar sons naturais num eixo de expressão que atravessa desde sons como na natureza até a experiência abstrata, passando pelo que o autor, Tiago Brizolara, chama de performance surreal: os sons são reais, enquanto toda sua trajetória, agora ditada pelo corpo do executante, é nova.

No vídeo a multiartista recifense Maria Flor testa o instrumento pela primeira vez. Agradeço a João Tragtenberg e à Universidade Federal de Pernambuco, nas pessoas dos professores Filipe Calegario e Giordano Cabral pela parceria na mobilidade internacional que desenvolvi junto ao Centro de Informática. A mobilidade foi financiada pelo departamento de Morbihan e a região Bretagne, no contexto de meu doutorado na Université Bretagne Sud (France).

Um artigo foi publicado na conferência NIME 2020 conference (clique aqui para baixar): Tiago Brizolara, Sylvie Gibet, and Caroline Larboulette. 2020. Elemental: a Gesturally Controlled System to Perform Meteorological Sounds. Proceedings of the International Conference on New Interfaces for Musical Expression, Birmingham City University, pp. 470–476.

Abstract traduzido: Neste artigo apresentamos e evaluamos Elemental, uma NIME (New Interface for Music Expression / Nova Interface para Expressão Musical) baseado em síntese de áudio de sons de fenômenos meteorológicos, nomeadamente chuva, vento e trovão, para aplicação em música contemporânea/arte sonora, artes performáticas e entretenimento. Primeiramente descrevemos o sistema, controlado pelos braços do executante através de sensores inerciais e de eletromiografia. Os dados produzidos são analisados e utilizados através de estratégias de mapeamento como entrada para o motor de síntese de áudio. Conduzimos estudos com usuários para refinar a síntese de áudio, a escolha dos gestos e os mapeamentos entre eles, e para finalmmente validar essa prova de conceito. De fato, os usuários abordaram o sistema desde a manipulação abstrata do som até a simulação dos fenômenos atmosféricos - nesse último caso, mesmo para reviver memórias ou criar novas situações. Isso sugere que a abordagem de instrumentalização de sons de fonte conhecida pode ser uma estratégia frutífera para a construção de sistemas sonoros interativos expressivos.

Bibtex:

@inproceedings{NIME20_90,  
  author = {Brizolara, Tiago and Gibet, Sylvie and Larboulette, Caroline},  
  title = {Elemental: a Gesturally Controlled System to Perform Meteorological Sounds},  
  pages = {470--476},  
  booktitle = {Proceedings of the International Conference on New Interfaces for Musical Expression},  
  editor = {Michon, Romain and Schroeder, Franziska},  
  year = {2020},  
  month = jul,  
  publisher = {Birmingham City University},  
  address = {Birmingham, UK},  
  issn = {2220-4806},  
  url = {https://www.nime.org/proceedings/2020/nime2020_paper90.pdf}  
}

comments powered by Disqus